NO AEROPORTO
Triagem de temperatura

Enquanto nossos funcionários, clientes e parceiros de negócios continuam enfrentando os desafios diários da COVID-19, a Delta consegue avanços significativos para manter a família Delta, os visitantes e os clientes seguros. Em nossa rede, a Delta implementou pontos de verificação de temperatura para detectar temperaturas elevadas, um dos sintomas da COVID-19 reconhecidos pelo CDC.

Para garantir sua saúde, segurança e bem-estar, e daqueles que estão perto de você, todos os funcionários da Delta, parceiros de negócios e visitantes das unidades da Delta passarão por uma verificação de temperatura.

Qualquer pessoa que se recusar a passar pela verificação não poderá entrar em nossas unidades.

Os pontos de verificação estão localizados nas entradas das unidades Delta. A verificação de temperatura será realizada antes da entrada em qualquer espaço Delta. Se a leitura da temperatura de uma pessoa for acima daquela considerada normal, a temperatura deverá ser tomada novamente usando um termômetro diferente. Se, após uma segunda verificação, a pessoa registrar uma temperatura de 100,4º Fahrenheit ou mais (ou outro limite conforme exigido pelas normas ou exigência aplicável), ela não terá permissão para entrar nas instalações.

Observe que, se um funcionário da Delta registrar uma segunda leitura de temperatura de 100,4º Fahrenheit ou mais, a Delta fará o registro e manterá as seguintes informações de identificação médica e de saúde: nome do funcionário, número do funcionário e o fato de que a segunda leitura da temperatura estava elevada. A Delta pode divulgar a identidade dos funcionários da Delta com temperaturas elevadas para alguns funcionários da Delta, com o objetivo de comunicar e reduzir riscos de saúde e segurança, bem como cumprir as normas de saúde e segurança da Delta. A Delta não registra nem retém essas informações de não funcionários da Delta.


Links relacionados