Transportando seu animal de estimação


Se seu animal de estimação não couber em um compartimento sob o assento à sua frente, você pode enviá-lo através de nosso serviço de transporte especial Delta Cargo. Lembre-se: aplicam-se exceções especiais para passageiros em viagem com animais de serviço e militares ou oficiais ativos do Serviço de Relações Exteriores do Departamento de Estado dos EUA

Devido à alteração dos horários de voo em resposta à pandemia da COVID-19, a Delta Cargo fará um embargo temporário de todos os embarques de PET a partir de 01 de abril de 2020, até segundo comunicado. O embargo se aplica a todos os animais vivos transportados como carga sob o código de produto PET em toda a rede nacional e internacional. Os clientes afetados serão notificados proativamente.

Transportando seu animal de estimação com a Delta Cargo


Nosso serviço de transporte especializado Delta Cargo fornece transporte seguro e confiável durante todo o ano, com serviço para atender às necessidades de todos os animais de estimação que viajam sem seus donos. Verifique o seguinte antes de fazer sua reserva:

  • É preciso fazer uma reserva separada do seu itinerário de voo. Taxas e encargos adicionais podem ser aplicados
  • O animal de estimação a ser embarcar em viagem nacional pela Delta Cargo não pode ter reserva com mais de 14 dias antes do embarque
  • Não há garantia de que o animal de estimação seja embarcado no mesmo voo ou horário do cliente
  • O embarque do animal de estimação exige que a entrega seja feita em um local da Delta Cargo com no mínimo três horas de antecedência do horário do embarque em local separado do check-in do passageiro
  • A retirada do animal de estimação também ocorrerá em um local da Delta Cargo
  • A Delta Cargo só aceita embarques internacionais de animais de estimação de empresas de transporte conhecidas. A Delta exige que clientes internacionais usem um transportador de animais de estimação, abre em uma nova janela aprovado pela International Pet and Animal Transportation Association. Dessa forma, os clientes precisariam adotar os procedimentos de aceitação definidos pelo transportador

 

Exigências de Saúde


Compreenda os riscos

O transporte por carga pode ser estressante para os animais. A exposição a ambientes, pessoas e movimentos desconhecidos afeta cada animal de forma diferente e traz riscos que podem levar a doenças, ferimentos, fuga ou morte. Ao pedir um atestado de saúde, aborde os riscos de uma viagem aérea com seu veterinário. Considere a idade, o histórico médico com problemas pré-existentes e/ou se há algum distúrbio de ansiedade em seu animal que possa ser agravado durante uma viagem.

  • Idade do animal: Como a expectativa de vida varia dependendo da raça, não há uma idade máxima definida para viagens aéreas. Contudo, problemas de visão ou de audição, no coração, fígado ou rins, câncer, artrite, diabetes, senilidade e fraqueza podem afetar animais mais velhos com frequência. Converse com seu veterinário sobre o estresse de uma viagem e seu impacto em seu animal de estimação devido à sua idade.
  • Raça: Cães e gatos braquicefálicos (focinho curto) e suas misturas não são permitidos em voos da Delta ou da Delta Connection. Veja a lista completa de raças de cães e gatos proibidos na Delta Cargo, abre em uma nova janela.

Certificado de Saúde

Um certificado de saúde é exigido quando for transportar seu animal de estimação como carga, e para todos os animais de estimação despachados como bagagem, como os que viajam com um militar ou oficiais ativos do Serviço de Relações Exteriores do Departamento de Estado dos EUA.  Seu veterinário, o Departamento de Agricultura dos EUA, abre em uma nova janela, ou o Departamento de Agricultura do estado do seu destino podem fornecer mais informações.

É necessário um certificado de saúde, que deverá ser emitido por um veterinário licenciado até 10 dias antes do transporte e incluir:

  • Nome e endereço do remetente.
  • Números da plaqueta de identificação ou tatuagens atribuídos para o animal
  • Idade do animal a ser transportado: Os regulamentos da USDA exigem que os animais tenham pelo menos 8 semanas de idade (10 semanas de idade para levar na cabine) e estejam completamente desmamados antes de viagens nacionais, no mínimo 16 semanas de idade antes de viajarem dos EUA para outros países e no mínimo 15 semanas de idade para viagens à Europa.
  • Declaração de que o animal goza de boa saúde (se o remetente souber que o animal está prenhe, isso deve constar no certificado de saúde)
  • Lista das vacinas administradas, se aplicável
  • Assinatura do veterinário
  • Data do certificado

Lista de Verificação de Carga Viva/Confirmação da Alimentação

Ao despachar seu animal de estimação, você deverá preencher uma lista de verificação do animal. Ao assinar essa lista de verificação, você confirma que seu animal de estimação recebeu alimento e água nas 4 horas anteriores ao check-in. Na lista de verificação, você também deve fornecer instruções sobre alimento e água, para um período de 24 horas. Se a alimentação em trânsito for necessária, você deverá fornecer o alimento.

Tranquilizantes

O uso de tranquilizantes para animais de estimação em altitudes elevadas é imprevisível. Se planeja sedar seu animal de estimação, você deve solicitar uma autorização, por escrito, do veterinário de seu animal. Essa informação deve ser afixada à caixa. A sedação de cães e gatos domésticos não é permitida.  Lembre-se que os agentes da Delta não podem administrar qualquer tipo de medicação.

Exigências meteorológicas


Para manter seu animal de estimação seguro, respeitamos restrições sazonais para viagens com animais de estimação. Para a segurança de seu animal de estimação, não transportamos animais em condições climáticas extremas. Isso inclui se a temperatura exceder 80 ˚F (27 ˚C) ou se a temperatura cair abaixo de 20 ˚F (-7 ˚C) enquanto o animal estiver no solo em qualquer ponto da rota.  Um certificado de aclimatação é necessário quando as temperaturas caírem entre 20 ˚F (-7 ˚C) e 45 ˚F (7 ˚C).