Voos para Montreal


 

Fundada em 1642, esta cidade de quase 1,6 milhão de habitantes tem mais locais históricos do que qualquer outra no Canadá, proporcionando aos visitantes uma abundância aparentemente interminável de tesouros culturais a serem explorados. Atualmente, quase todos os setores prosperam aqui, desde o aeroespacial e tecnológico ao cinematográfico e de design. Apenas Paris tem mais moradores de língua francesa e a influência francesa em Montreal é, principalmente, o que faz dela um lugar memorável para se visitar.

Os que visitam a cidade pela primeira devem concentrar seus esforços turísticos na Velha Montreal, sem dúvida, o que há de mais próximo da Europa a oeste da Irlanda. Passeie pelas ruas pitorescas com nomes como Rue Notre-Dame e Boulevard Saint-Laurent, cercadas por igrejas históricas, galerias, lojas, cafés e restaurantes. Você quase sentirá como se tivesse cruzado o Atlântico.

Comece pela Basílica de Notre-Dame. Concluída em 1829, a magnífica representante arquitetônica do estilo neogótico tem torres gêmeas imponentes que se erguem a cerca de 200 pés do solo. No interior, seu altar ornamentado é de beleza arrebatadora. Para o oeste, o Museu de Belas Artes de Montreal, perto da McGill University, tem muitas excelentes galerias adornadas com obras de Rembrandt, Matisse, Cézanne e Picasso. Ainda mais a oeste, do outro lado da cidade está o monumental Oratório de São José do Monte Royal, a maior igreja do Canadá. Construída em estilo renascentista italiano tradicional em 1904, sua cúpula colossal é a terceira maior do gênero no planeta.

Felizmente para gastrônomos, não há escassez de excelentes restaurantes na Velha Montreal e, não surpreendentemente, a coleção de bistrôs franceses aqui é excelente. Mas você também encontrará muitos frutos do mar italianos e asiáticos extraordinários. E quando você terminar de jantar, haverá mais alguns bons lugares para desfrutar um passeio noturno.