INFORMAÇÕES IMPORTANTES DE AEROPORTO

O seu tempo é valioso. Quer esteja viajando a negócios ou de férias com a família, queremos ajudar a tornar a sua experiência de viagem o mais tranquila possível.

Durante suas viagens, você pode passar mais tempo esperando do que em períodos normais ou em caso de atrasos nos aeroportos. E mesmo que esses atrasos possam estar fora de controle da Delta, queremos que você esteja ciente disso, a fim de fazer seus planos adequadamente. 

Mais recente:

  • Aproveite nosso espaço atualizado, lanches sazonais e muito mais no Aeroporto Nacional Ronald Reagan de Washington (DCA).

  • A partir de 25 de março de 2018, todos os voos da Delta no Aeroporto Leonardo da Vinci – Fiumicino (FCO) operarão a partir do Terminal 3. Veja a lista de detalhes a seguir:

    • Clientes com um voo de embarque farão check-in e despacharão suas bagagens no Terminal 3, e serão direcionados à área de controle de passaportes localizada atrás do Terminal 3.
    • Todos os voos operarão a partir dos Portões E.
    • Passageiros em desembarque continuarão utilizando a área de retirada de bagagens do Terminal 3.
  • Saiba que o ponto de verificação de segurança da TSA no aeroporto de Cincinnati, Northern Kentucky, fecha às 21 h, horário local. Chegue ao aeroporto antes das 21 h, mesmo que seu voo esteja atrasado, para garantir tempo suficiente para passar pelo ponto de verificação antes que ele feche. 

  • (JFK) Viaje de Nova York

    Para conseguir passar pela segurança mais facilmente no JFK, pense no seguinte: Se você estiver partindo do T4 e chegar entre 6h e 20h (Costa Leste) sem bagagem despachada e com um cartão de embarque, recomendamos que utilize o ponto de verificação da TSA no T4 no andar de desembarque para a inspeção de segurança geral.  

  • Devido às atividades de construção em andamento, parte do programa de redesenvolvimento do Aeroporto LaGuardia, solicitamos aos passageiros que observem as seguintes alterações na chegada:abre em uma nova janelaabre em uma nova janelaabre em uma nova janelaabre em uma nova janela

    • Os Lotes P2 e P3 estão fechados.
    • Os Lotes P4, P5 e o novo Lote P10 de longo prazo estarão disponíveis para acesso aos Terminais B, C e D.
    • O tráfego congestionado talvez exija mais tempo para entrar e sair do aeroporto.
    • O transporte público também poderá ser afetado.
    • Visite www.laguardiaairport.comabre em uma nova janela para ter as informações mais recentes e atualizadas do projeto.
  • A partir de 18 de janeiro de 2018, todas as operações da Delta serão transferidas do Terminal 1 para o novíssimo Terminal 2 no Aeroporto Internacional de Seul-Incheon (ICN). 

  • Viagens para o Brasil:

    Agora, alguns passageiros podem comprar um visto eletrônico (eVISA) antes de viajar para o Brasil. Essa é uma alternativa ao visto tradicional de papel adquirido na Embaixada Brasileira ou no consulado para os cidadãos que precisarem de visto para viajar ou passar pelo Brasil.

    Os vistos eletrônicos estão disponíveis atualmente para cidadãos australianos e serão ampliados para cidadãos dos seguintes países nas datas estipuladas abaixo:

    Japão: jan 11, 2018
    Canadá:  jan 18, 2018
    EUA: jan 25, 2018

    O visto eletrônico é válido por 2 anos ou até a data de validade do passaporte (o que ocorrer primeiro), e o tempo de permanência máximo não pode ultrapassar 90 dias por ano. Ele será emitido com preço inferior ao dos vistos tradicionais. Ele possui um valor estimado de USD 44,24 (USD 40 para o visto e USD 4,24 para a taxa do fornecedor do serviço) e pode ser obtido pelo site www.vfsglobal.com/brazil-evisa.

    Os passageiros precisarão imprimir o recibo de confirmação do visto eletrônico e deverão levá-lo com eles ao viajarem, apresentando-o aos oficiais da alfândega brasileira no momento da entrada no país.

    Viagens do Brasil:

    De acordo com a legislação brasileira, cidadãos do país com idade inferior a 18 anos que estejam viajando sem a companhia dos dois pais precisam apresentar documentação adicional para deixar o Brasil. A exigência também se aplica a menores com dupla nacionalidade ou que tenham nascido no Brasil, mas não sejam cidadãos brasileiros.

    As exigências para passageiros menores de 18 anos são as seguintes:

    • Passageiros que estejam viajando acompanhados de apenas um dos pais/tutores legais precisam de uma carta reconhecida em cartório com a autorização do outro pai/tutor legal.
    • Passageiros que estejam viajando sozinhos ou acompanhados por outra pessoa que não os pais/tutores legais precisam de uma carta reconhecida em cartório com a autorização dos pais/tutores legais.
    • Autorização judicial será exigida para viagem de cidadãos brasileiros menores de 18 anos, se acompanhados por um adulto residente no exterior que não seja cidadão brasileiro, desde que (i) o adulto não seja um dos pais/tutor legal do menor ou (ii) o menor, apesar de nascido no Brasil, não tenha cidadania brasileira.

    Isenções:
    A autorização não é exigida para menores de idade que viajem na companhia dos dois pais ou cidadãos não brasileiros que não tenham nascido no Brasil.

    Material de apoio:

    Para obter mais informações sobre as exigências de documentação do Brasil, clique no link abaixo ou entre em contato com o consulado do país de residência da criança.

    Clique em Cartilha de Viagem de Menores ao Exterior para ver um guia lançado pelas autoridades brasileiras. Para visualizar um modelo padrão de formulário de autorização, acesse: http://www.cnj.jus.br/programas-e-acoes/viagem-ao-exterior.

  • Saiba que as áreas de proteção de fronteira e alfândega (Customs Border Patrol, CBP) do Aeroporto Internacional Queen Beatrix (AUA) fecham pontualmente às 18 h, horário local. Todos os passageiros deverão fazer check-in antes do fechamento, mesmo se seu voo estiver atrasado.

Todos os avisos de viagens:

  • OBSERVE AS SEGUINTES EXIGÊNCIAS PARA VIAJAR DE/PARA A ÁFRICA DO SUL:

    • Cada passageiro deve ter pelo menos uma página do passaporte em branco.
    • Todos os menores de idade que viajem de ou para a África do Sul deverão apresentar a versão integral da certidão de nascimento, acompanhada do passaporte, ao passar pelos postos de inspeção de segurança do aeroporto na África do Sul, na entrada e na saída. A exigência do Departamento de Assuntos Internos (DHA) aplica-se às crianças de todas as nacionalidades, mesmo se estiverem acompanhadas dos pais, outro adulto ou familiar, ou se estiverem desacompanhadas. Se não apresentarem a documentação correta, os menores de idade serão impedidos de embarcar nos voos.

    Faz parte da documentação exigida, entre outros:

    1. Além do passaporte, é obrigatório apresentar uma cópia original, completa ou certificada (com chancela ou carimbo), da certidão completa de nascimento do menor emitida no mínimo durante os últimos 3 meses para todas as viagens.
    2. Todos os documentos de viagem devem estar em inglês ou acompanhados de uma tradução juramentada.
    3. Pode haver a aplicação de exceções. Os detalhes estão descritos no tópico Regulamentação final de imigração do DHA, seção seis: subseção sobre admissão e embarque 10 - 12.
    4. Atenção: os viajantes que desembarcarem na África do Sul sem a documentação exigida podem ser detidos e/ou deportados imediatamente.

    Quando um menor viaja acompanhado de um dos pais, a documentação adicional é obrigatória. O responsável deve apresentar a certidão de nascimento integral da criança e um dos seguintes documentos:

    1. Consentimento do outro responsável na forma de declaração juramentada autorizando o ingresso ou saída do familiar da República da África do Sul com a criança. A declaração juramentada deverá ser providenciada pelo outro adulto registrado como pai ou mãe responsável pela criança na certidão de nascimento. Para visualizar um modelo de declaração juramentada, obtenha mais informaçõesabre em uma nova janela.
    2. Ordem judicial conferindo plenas responsabilidades e direitos ao responsável pela tutela legal da criança, como pai/mãe ou tutor legal.
    3. Se aplicável, a certidão de óbito do outro adulto registrado como pai ou mãe responsável pela criança, conforme consta na certidão de nascimento.
    4. Por favor, visite o site do Department of Home Affairs ou consulte a sua missão sul-africana mais próxima para obter mais detalhes.
  • Dispositivos eletrônicos portáteis que contenham baterias de lítio como bagagem verificada

    Dispositivos eletrônicos portáteis com lítio integrado ou com baterias de íon-lítio (laptops, smartphones, tablets, etc.) devem ser transportados em bagagem de mão quando possível, e não com a bagagem verificada. 

    Quando não for possível transportar tais dispositivos como bagagem de mão:
    Por imposição do Ministério da Terra, Infraestrutura, Transportes e Turismo do Japão, para voos que partem dos aeroportos no Japão, dispositivos eletrônicos portáteis com lítio integrado ou com baterias de íon-lítio transportados como bagagem verificada devem ser:

    • Totalmente desligados (e não no modo dormir).
    • Embalados dentro de um estojo rígido ou embrulhados em material acolchoado, como tecidos. Isto ajudará a evitar que os itens sejam acidentalmente ligados ou danificados.

    Obrigado por sua compreensão e colaboração.

    Veja as Políticas de Bagagem e os Itens Restritos da Delta para mais informações.

  • Transferimos nossas operações no Aeroporto Internacional de Los Angeles (LAX) para os Terminais 2 e 3.

    Para mais viagens perfeitas:

    • Baixe o aplicativo móvel Fly Delta atualizado e consulte-o com frequência para obter as informações mais recentes sobre portão, mapas interativos do aeroporto e atualizações da viagem
    • Verifique as indicações do caminho entre terminais com voos de conexão.
    • Se necessário, pegue os novos ônibus da Delta antes de entrar no terminal ou nos portões especiais dentro do terminal, depois do posto de controle de segurança, para se deslocar entre os terminais T2, T3 e o Terminal Internacional Tom Bradley.
    • Siga as placas indicativas. O pessoal do aeroporto também está disponível para ajudar.

    Clientes Delta One® podem desfrutar do Delta One(SM) no LAX, localizado no primeiro ponto de entrada para o Terminal 2, e que pode ser facilmente identificado pela sinalização “Delta ONE” na fachada. Enquanto continuamos aperfeiçoando a experiência Delta One no LAX, você terá acesso exclusivo à frente da fila de segurança aplicável a partir de um corredor privativo, assegurando uma experiência de check-in integrada.

    Se for embarcar no Terminal 3, você poderá fazer o check-in no local temporário para check-in do Delta One no LAX, localizado no balcão de passagens dentro do Terminal 2, e depois pegar o ônibus entre terminais até o T3, ou seguir para a segurança no T3 e dirigir-se diretamente ao portão. Note que o ônibus entre os terminais T2 e o T3 operam frequentemente, e o tempo de deslocamento entre os terminais é de poucos minutos.

    O Delta Sky Club chegou nos Terminais 2 e 3 do LAX. Os Clubs nos Terminais 2 e 3 estão localizados no piso mezanino e estarão disponíveis enquanto dermos continuidade às melhorias, que deverão ser concluídas em janeiro de 2018.

  • Pedimos desculpas pelo inconveniente, mas devido ao trabalho de renovação de grande porte no Aeroporto Marco Polo (VCE) em Veneza, recomendamos que os passageiros cheguem 3 horas antes do horário de embarque e façam check-in on-line em delta.com, pelo aplicativo Fly Delta ou no quiosque de aeroporto antes do voo para ajudar a reduzir os atrasos. Observe que os balcões de check-in encerram o serviço em exatamente uma hora antes do embarque. Mesmo se o voo estiver atrasado, os passageiros devem ainda fazer o check-in de acordo com o horário de embarque original do voo. 

    1. O check-in será realizado no térreo da área de chegadas ao lado da Zona A. Após o check-in, o passageiro poderá chegar ao ponto de inspeção de segurança do aeroporto seguindo estas instruções:
    2. Siga as indicações dadas pelo pessoal de terra do aeroporto e dirija-se ao saguão central, suba as escadas ou pegue o elevador até o nível de Embarque.
    3. Procure as placas indicativas do aeroporto, pois você poderá ser instruído a dirigir-se ao norte ou ao ponto principal de inspeção de segurança, pois os clientes Delta terão um ponto de entrada dedicado, com outros clientes que voam com companhias aéreas norte-americanas em voo direto aos EUA.
    4. Passageiros que necessitem da assistência de uma cadeira de rodas precisarão chamar um representante do aeroporto usando o interfone, assim que chegarem em VCE. Sistemas de comunicação interna estão disponíveis no estacionamento 1S, perto da estação de recarga para celulares, na área externa do piso térreo e no 1.º andar do aeroporto. Para mais informações sobre como solicitar a assistência com cadeira de rodas e para obter um mapa detalhado dos locais com interfones, acesse veniceairport.it.

    Para passageiros que chegam em VCE, por favor, observe que as obras de renovação afetam a sua área de chegada para todas as outras companhias aéreas também. Os agentes de recepção da Delta estarão presentes e poderão esclarecer quaisquer dúvidas e encaminhar os passageiros ao escritório WFS Ground Italy BSO em caso de problemas com bagagem.